Friday, August 21, 2009

O dia do caixote!

Um dia que nunca esquecemos!
As causas são as mais variadas: Decidimos por um novo rumo profissional; Redução de pessoal na organização; Fim de estágio; Algo correu menos bem com a nossa prestação!

Mas o dia do caixote é uma das experiências mais enriquecedoras que temos em vida.
Se dúvidas restassem, o olhar macambúzio daqueles que desconhecem esta experiência dissipava-as.

É um momento que define o novo ciclo das nossas vidas profissionais. Deixamos para trás uma marca, uma função, uma filosofia, uma equipa.
Pela frente temos uma incógnita tanto maior quanto a surpresa de tal momento.
A procrastinação ataca os mais novos com o síndrome da falta de experiência e os mais experientes com o síndrome da idade!

Uma boa estratégia faz milagres por nós. Centrar a atenção naquilo que mais gostámos de fazer, nas organizações com as quais nos identificamos, sentir e compreender o nosso espaço no mercado.
A partir daí temos as linhas mestras para desenhar um futuro mais risonho que o passado. Porque as crises escondem sempre uma oportunidade que podemos e devemos aproveitar.

As Redes Sociais ajudam-nos na visibilidade. Mas antes disso devemos pensar na construção da nossa marca pessoal e no respectivo posicionamento no mercado.
Um factor facilitador será a inauguração de uma nova actividade económica de que possamos ser lideres (Câmara, António).

O resto está nos livros: Criatividade; Suor; Determinação; Determinação; Determinação!

No comments:

Post a Comment